15.11.07

Meu amor, meu amor, se tu não vens...
De que adiante estar aqui? De que adianta me preparar, de ter esperança, caminhar com a minha tristeza?

Era tão bom sentir teu perfume, se agora só me restam as lembranças quando olho meu armário e seu casaco está pendurado...Se tu não vens?

Não sei o que farei, se tu não vens!!!

Me desintoxico, me limpo de tudo de mal que você dizia que eu representava e de tudo que eu considerava que poderia nos afastar... de tudo que eu acreditava que era considerado errado para ter você comigo.

Agora quero sumir...quero ficar doente para não sofrer com essa angústia de caminhar com a solidão e com a morte!

Nem sei o que admitir de erros! Não sei mais no que acreditar. Estou caminhando em um mar de areia...meus pés afundam...e já não tenho mais forças para dar mais passos! Me sinto extremamente fraco.

Preciso de aprovação, preciso de carinho, de mimos...mas não sei o que farei! Não sei mais falar minha língua, não sei mais me comunicar.

Se tu não vens...eu era tão sereno, era tão cheio de sonhos e planos, e agora não me resta nada! Só um caminho de névoa...e tu não me vês!

Amor, amor, amor...

1 Comentários:

Anonymous daniel disse...

andy querido. acabo de ler esse post. não posso falar, sabes disso. Obrigado por tudo amigo. Não que adiante algo, mas ao menos sei que ando com pessoas ao meu lado. Grande beijo. dani.

9:04 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial